terça-feira, 4 de novembro de 2008

Diário de bordo 10: PUC-SP

A dupla pernambucana tratou da leitura do processo jurídico decisional por meio da categoria de abdução de C.S. Peirce. A Profa. Lorena Freitas pontuou a fragilidade da explicação do mesmo processo pelo método subsuntivo da Dogmática Jurídica de matiz positivista, enquanto o Prof. Enoque Feitosa trabalhou com a categoria perciana pugnando por sua utilização jurídica.

Ambos demonstram o quão frutífera vem sendo a pesquisa do PPGD/UFPE sobre a relação entre Pragmatismo e Direito. Os elogios à qualidade de nossas comunicações pelos professores paulistas serviram de combustível para mais estudos, produção e vindas à cidade de São Paulo para contatos acadêmicos entre seus centros de estudo e pesquisa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário